DMAE admite alterações na água da Capital, mas garante que está própria para consumo

Expectativa é de que causa das anormalidades sejam descobertas neste final de semana
17852144
Foto de: Agência RBS

Após receber reclamações do sabor e cheiro da água na Capital, o Departamento Municipal de Água e Esgotos (Dmae) pretende normalizar a situação neste final de semana. Nos últimos dias, consumidores de diferentes bairros passaram a se queixar que a água estaria com gosto desagradável e cheiro forte. Em entrevista à Rádio Gaúcha, o diretor-geral do Dmae, Antônio Elisandro de Oliveira, reconheceu a anormalidade mas garantiu que os testes apontam que a água está própria ao consumo:

— Reconhecemos que há uma alteração de sabor e odor, mas todas as análises que temos feito mostram que a água está potável, dentro dos padrões do Ministério da Saúde.

Oliveira avalia que o problema pode estar ligado ao manancial, já que não foi encontrada alteração no processo de tratamento, mas ainda não é possível apontar a causa. O trabalho do Dmae tem sido na coleta de amostras em diferentes pontos do Guaíba e na regulagem do cloro e da desinfecção inicial. A expectativa é que a causa do problema seja detectada neste final de semana, e a situação possa ser normalizada na semana que vem. O Dmae não soube informar quantos bairros ou residências detectaram mudança na água.

De acordo com o hidrólogo Carlos Tucci, alterações deste tipo costumam ocorrer após intensas chuvas ou seca, o que não ocorreu nos últimos dias em Porto Alegre. Aponta a hipótese de despejo de algum produto químico ou descarte irregular no Guaíba nos últimos dias.

— Se o teste do Dmae não apontou nada anormal, provavelmente o consumo é seguro. Mas é preciso investigar o que ocorreu para se ter certeza de que realmente não há risco.

Fonte: http://goo.gl/u5xOl1

Deixe uma Resposta